Translate

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

José de Anchieta assim escreveu...São Paulo

"Para sustento destes meninos, a farinha de pau trazida do interior, da distância de 30 milhas.Como era muito trabalho e difícil por causa da grande aspereza do caminho, ao nosso Padre (Nóbrega) pareceu melhor no Senhor mudarm0-mos para esta povoação de índios que se chama Piratininga.Isto por muitas razões: primeiro, por causa dos mantimentos; depois,porque se fazia nos portugueses menos frutos do que se devia...Por isso, alguns dos irmãos mandados esta aldeia no ano do Senhor de 1554, chegamos a ela a 25 de janeiro e celebramos a primeira missa numa casa pobrezinha e muito pequena no dia da conversão de S.Paulo, e por isso dedicamos ao mesmo nome esta Casa.De tudo isso escrevi por miudo na carta precedente que abrangeu até o mês de junho..Residimos aqui ao presente oito da Companhia, aplicando-nos a doutrinas estas almas e pedindo misericórdia de Deus Nosso Senhor que finalmente nos conceda acesso a outras mais gerações para serem subjugados pela sua palavra.Julgamos que todas elas se hão de converter muito facilmente à fé, se lhe pregarem.

Um comentário:

  1. Mercia querida

    Antes de me formar psicóloga me formei em História. Então, quando vejo essas cartas da época do Brasil Colonial fico encantada.

    Excelente escolha!

    Bjocas
    Ótimo feriadão.

    ResponderExcluir